7 de janeiro de 2011

Uhuu... assim que se fala...

"Eu quero que todos os dias você me convença que contos de fadas não existem, só pra eu ter certeza que você é de verdade. Quero que esse sentimento meio novo, meio tonto e meio infantil dure por muito tempo, mesmo que repetido, sóbrio e adulto. Porque os dias e os meses sempre passam, mas eu quero continuar acreditando que dividir o sofá, o último pedaço do bolo e o travesseiro sejam a eternidade num piscar de olhos." 

Mas chega uma hora na vida que a gente tem que parar
de ser boa com os outros e ser boa - primeiramente - com a gente.
Fiquei amarga? Não mesmo. Agora eu sou prática.
Vacilou? A porta está aberta, meu bem .
Sem dó nem piedade.

Caio Fernando de Abreu

4 comentários:

  1. Nossa! :O
    Começou tão meiguinha e terminou tão drástica! Quer dizer, tão Prática! Rsrsrs...

    ResponderExcluir
  2. Fazer oq né Rick, a vida é assim.... se a gente n se valoriza os outros pisam na gente *_*

    ResponderExcluir